terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Nada é tudo e, tudo é nada. Do pó viemos e ao pó voltaremos

Somos um grande composto orgânico extraído de células vivas da natureza, e um dia iremos decompor e nos transformar novamente neles, transferindo o que hoje está em nós, para milhões de outras formas de vida.

O coração transplantado, outrora rejeitado, hoje é aceito.

Os cabelos cortados, hoje adornam cabecinhas peladas pela força da radiação.

A pele que vira poeira todo dia, hoje já pode ser transplantada e aceita, ou seja, quimicamente nos misturamos a tudo e a todos.

E fisicamente? Será que sua energia consegue misturar-se a tudo ou ainda repele a tudo e a todos.

Será que você sabe o que acontecerá com sua energia quando findar seus dias?

Você já está preparando para uma iluminação ou continua achando que basta viver intensamente e que deixar tudo para os bichinhos é a solução?

Deixo esta elucubração matutina para você matutar sobre seu dia-a-dia.

Tenha um excelente dia.

Namastê

Adilson Di - @AdilsonDi
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e identifique-se