quinta-feira, 19 de outubro de 2017

reflexões

A qualquer hora iremos nos deparar com o espelho, e o que veremos? Nosso simples reflexo, o reflexo do que imaginamos que somos, ou o reflexo do que outros veem na gente? Sim, um bom tema para "reflexão".

Nagarjuna, um dos filósofos budistas mais importantes depois do Buda histórico, afirmava que a realidade das coisas são meros reflexos de nossa imaginação e que não existe realidade externa a nossa mente. Isso mesmo, vivemos numa matrix criada por nos mesmos.

Ao olharmos no espelho podemos estar vendo a reflexão do mais belo, do melhor, do diferenciado, mas será que somos isso na existência construída pelo imaginário d´outros? Será que nosso ponto de vista não é soberba, será que ao imaginarmos perfeição em nós, não estaremos involuntariamente depreciando nosso semelhante na mesma proporção que nos supervalorizamos? Será que ao fazermos juízo de valor dos outros, estamos sendo justos com eles e com nossa existência? Quando vemos o feio noutro, será que não estamos vendo o feio que existe em nós. Será que ao vermos o mal n’outrem, não estamos vendo o mal em nós mesmos?  Ou seja, se tudo é reflexo do nosso próprio eu no que enxergamos nos outros, não deveriamos procurar o belo no feio, o bem no mal, o equilíbrio entre o preto e o branco, o positivo e o negativo, entre nós e os outros?

Se a lei da causalidade é um resultado do efeito de uma causa sobre um pensamento, mesmo que silencioso à nos mesmos, a criação do nosso "eu" não pode vir acompanhada por aflições ou emoções negativas geradas pelo nosso ego, como o apego, aversão e inveja. Precisamos identificar e abandonar as causas do sofrimento, usando como antidoto a reflexão sobre o amor e sobre os diferentes aspectos de nossa realidade, pois pensamentos negativos nos levam a ignorância, e a ignorância é a raiz de todos os males.

leia também: Nada é tão bom que não possa melhorar cada vez mais


Mas se somos o que criamos, por que na maioria das vezes criamos pessoas defeituosas, com doenças, limitações e pensamentos limitantes? Talvez a resposta seja simples, talvez complicada, tudo dependerá de nossas reflexão (meditação). O budista afirma que, cada pessoa decide o que é verdade através de sua óptica e que quando a verdade alheia não coincide com a nossa, não devemos contrapô-la, mas refletir, interpretar e aprender com a diferença, pois o objetivo da vida é nos tornarmos sábios. E sabedoria o que é? Sabedoria é saber que nada sabe, ou seja, ser humilde para aprender sem glorificar-se,  sem vaidade, pois a iluminação só vem quando compreendemos que a ausência da existência é o que caracteriza a sabedoria, e a sabedoria remove a ignorância e todas emoções aflitivas de nosso eu.

Nossa realidade é tão vasta e múltipla, que o simples exercício de refletir sobre os aspectos impuros de nosso pensamento, pode diminuir nossas vaidades e arrogâncias de nos acharmos melhor que os outros e, tornarmo-nos mais sábios. Até podemos ter a utopia de querermos alcançar a iluminação plena, mas para isso é preciso abdicar do sou, do posso, do tenho e  de todas máculas de nossa mente, pois é preciso ter consciência de que toda sua opinião sobre os outros e sobre o que você mesmo, nada mais é do que o reflexo que você construiu em sua imaginação.

Este é um assunto muito complicado mesmo, pois se sabedoria é saber que nada sabe, ai venho com este texto louco, sem pé nem cabeça. Quem sabe seja o que você está pensando mesmo, que estou exatamente praticando o contrário daquilo que estou escrevendo, numa clara demonstração de soberba, achando que escrevendo, sei mais que você, mas na verdade, não sei nada. Só sei que me veio esta mais esta inspiração e pensei em compartilha-la passando adiante como se fossem livros, pois acho um pecado adquirirmos sabedoria através de seu conteúdo e depois aposentá-los numa estante para pegar pó, enquanto poderíamos estar compartilhando-o com outras pessoas.

O certo é que podemos sim nos tornarmos iluminados, já que a prática constante da reflexão é que nos liberta da ignorância e nos torna sábios, e a sabedoria aliada a caridade à todos os seres sencientes, nos eleva a mundos nunca antes imaginados. Vamos praticar a empatia equalizando nosso eu com os de nossos semelhantes, mesmo que este semelhante não seja tão parecido conosco, alias, quanto mais diferente for, melhor, ainda mais se estes andarem pelas sombras do vale da morte ou da ignorância, pois tornam-se os mais necessitados de de compaixão, solidariedade e amor.

Estamos no mesmo plano, no mesmo tempo e praticamente compartilhando o mesmo espaço, o mesmo ar, as mesmas fontes de alimento e sabedoria, portanto sejamos cúmplices e culpados de uma nova era, de um planeta melhor, praticando o bem e tendo atitudes positivas, fazendo o que é correto, pois nosso exemplo reflete na sociedade e nas pessoas que se chegam a nós.

Por um mundo com mais reflexões positivas

Namastê

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Origem de minhas inspirações

Todas manhãs faço minha oração iniciando da seguinte maneira: paro de pé, inspiro e expiro profundamente muitas vezes até que a calma e a paz tenha tomado conta de mim. Ai começo devagarinho a elevar meus pensamentos, abro meus braços e conclamo Jesus dizendo: “Senhor Jesus, permitai que este ser ínfimo em sua existência, possa conectar-se com toda horda de anjos e santos que me guiam, bem como conecte-me a todos meus antepassados nas pessoas de meus pais, avós, suas ascendências e descendências, permitindo que recebam luz onde estiverem e, que todos juntos ajudem-me a me conectar a todos meus parentes, amigos que estão nesta plano e aos que já partiram.

Senhor Jesus, permita-me que conecte-me a Maria sua Mãe, José seu pai, e toda sua ascendência nas pessoas do Rei Davi, Salomão, Moisés, até chegar em Adão e Eva, unindo-me a toda existência que chegou a mim neste plano, permitindo que todos juntos possamos conclamar ao Grande Senhor Deus do Universo, dando-lhe honras e glórias, pedindo que cheguem a mim todos aqueles que vem em nome do Senhor.

Deste momento em diante, conectado com o Universo que é Deus, agradeço a todas as coisas em minha vida, começando por minha própria vida, minha saúde, mais um dia, pelo alimento, pelo trabalho, pela força, pelas oportunidades, depois peço que eu continue seguindo seus desígnios, pedindo que por onde eu ande, que todos sintam sua presença, e a todos aqueles que me fizerem e desejarem o bem, os desejo tudo em dobro e muito mais.

Neste sentido, coloco todas pessoas que de uma maneira ou outra passaram em minha vida em oração ao Senhor Deus do Universo, incluindo você, no qual peço que coloque em suas orações, ao menos um segundo, e já lhe serei grato.

Depois disso dedico alguns minutos pra receber inspiração para compor os textos que você recebe seguidamente.

Hoje faço este relato para saberes a origem das palavras que compartilho contigo e, neste momento peço que todos recebamos tudo de melhor que há nesta manhã e que nossos dias sejam cobertos de luz e bênçãos.

Namastê

domingo, 15 de outubro de 2017

Portas das possibilidades

Há coisas que, por mais que queiramos, nos é segredo até a nós mesmos e, quando em cômodos introspectivos, ebulem em nossa mente como elucubrações.

Nelas, lembranças, vivencias, ideias e, portas, sim, portas das possibilidades.

Atrás de cada uma esconde-se um novo corredor que podemos seguir. Será que por aqui, será por ali? Então a comodidade, talvez o medo, acabem nos conduzindo às mesmas portas manchadas de sempre.

Nestas, conhecemos o caminho e temos o conforto de não precisar mudar.

Nossos nãos vencem, não por serem mais fortes, mas por terem-se tornado sulcos entalhadados nos corredores da comodidade.

Tenho aprendido em meus cômodos silenciosos, que harmonia entre pensamentos e ações completam-se e proporcionam surpresas maravilhosas e, que uma ação, não necessariamente precisa ser uma grande movimentação, mas que pode ser um amontoado de palavras confusas e desconexas como estás que vos escrevo, desde que transcritas com o desejo do que há de melhor.

Gratidão é agradecer o que acontece, sem querer saber por quê acontece, neste sentido, sou grato aos meus silêncios, pois neles encontro o conforto do pensar e dos retornos que o universo possa me dar.
São surpresas leves, lindas, cheias de encantos e poesias, tornando aquelas portas que o receio não abria, num único e inabalável portal da vida.

Aprendo cada vez mais que não preciso abrir as diversas portas da dúvida, pois o universo é um guia que nos da um chá de banco na recepção das expectativas, para depois nos conduzir com a maior atenção pelos caminhos da vida.

O portal tem uma chave que só abre com uma senha, e a senha, é o amor, mais saiba que esta senha é muito segura e difícil conseguir, pois ela está encriptada com a capacidade de interpretar.
Que seu primeiro dia da semana seja abençoado e que seus enigmas sejam desvendados com a senha do amor.

Bom domingo | Namastê | AdilsonDi.com

Cômodo

Há coisas que, por mais que queiramos, nos é segredo até a nós mesmos e, quando em cômodos introspectivos, ebulem em nossa mente como elucubrações.

Nelas, lembranças, vivencias, ideias e, portas, sim, portas das possibilidades.

Atrás de cada uma esconde-se um novo corredor que podemos seguir. Será que por aqui, será por ali? Então a comodidade, talvez o medo, acabem nos conduzindo às mesmas portas manchadas de sempre.

Nestas, conhecemos o caminho e temos o conforto de não precisar mudar.

Nossos nãos vencem, não por serem mais fortes, mas por terem-se tornado sulcos entalhados nos corredores da comodidade.

Tenho aprendido em meus cômodos silenciosos, que harmonia entre pensamentos e ações completam-se e proporcionam surpresas maravilhosas e, que uma ação, não necessariamente precisa ser uma grande movimentação, mas que pode ser um amontoado de palavras confusas e desconexas como estás que vos escrevo, desde que transcritas com o desejo do que há de melhor.

Gratidão é agradecer o que acontece, sem querer saber por quê acontece, neste sentido, sou grato aos meus silêncios, pois neles encontro o conforto do pensar e dos retornos que o universo possa me dar. São surpresas leves, lindas, cheias de encantos e poesias, tornando aquelas portas que o receio não abria, num único e inabalável portal da vida.

Aprendo cada vez mais que não preciso abrir as diversas portas da dúvida, pois o universo é um guia que nos da um chá de banco na recepção das expectativas, para depois nos conduzir com a maior atenção pelos caminhos da vida.

O portal tem uma chave que só abre com uma senha, e a senha, é o amor, mais saiba que esta senha é muito segura e difícil conseguir, pois está encriptada com a capacidade de interpretar mensagens muito subliminares, portanto desvende seus enigmas afim de encontrar sua própria senha..

Namastê

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Sexta-feira 13 de outubro

Uhh que preguiça!

Nada que uma espreguiçada, um banho, café e caminhada não resolvam. Ainda depois de um feriado tão pluvial em Porto Alegre. 

Incontáveis estrondos florescentes rasgaram os céus do Sul, parecia até que havia uma guerra entre céu e terra anunciando uma assombrosa sexta-feira 13.

Crendices para uns, espetáculo da natureza para outros.

Cada gota que caiu trouxe consigo a renovação da vida. Cada raio que rasgou o breu, trouxe incomensuráveis energias químicas, físicas, biológica, quânticas, cósmicas e outras tantas essenciais a vida. 

Que sua sexta-feira seja sublime, carregada de energia, vitalidade, força, paz, frescor, amor.

Que as energias negativas da ignorância fiquem longe de você e dos seus.

Que as águas purifiquem o caminho por onde passares e, por onde passares, seja um estrondo, seja a luz que resplandece magnificamente toda energia que há em ti.

Contagie, brilhe, ilumine. 

Que sua sexta-feira seja mágico e seu final de semana de muito encantamento. 

Namastê | AdilsonDi.com

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Feliz dia da criança



Nos que já fomos crianças, estamos todos de parabéns e, no dia de hoje devemos espalhar amor, experiências positivas, educação, carinho à todas demais crianças. Além disso, todos somos frutos da magnitude da maternidade de mulheres maravilhosas que nos trouxeram a luz e que nos amam incondicionalmente por toda nossas vidas. Neste dia em que o Brasil homenageia suas crianças e uma das mães mais fantásticas da história da humanidade, quero enviar esta música que acho linda, desejando que seu dia seja maravilhoso, cheio de bençãos e energias positivas.

Feliz dia da criança interna e eterna em nós.

Namastê | AdilsonDi.com

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Já pensou que hoje pode ser seu último dia?

Você acorda, espreguiçasse, vai ao banheiro, arruma-se, vai ao trabalho, que é repetitivo, fica na expectativa do almoço e do fim do expediente.

No entremeio você faz o mesmo caminho para ir e para voltar.

Seus pensamentos e palavras são dirigidos p/ as mesmas pessoas de sempre, como familiares, colegas, clientes e, na sexta-feira, talvez, pra aqueles que estarão contigo a noite ou no final de semana.

Pergunto-lhe, e aqueles que outrora foram quem motivaram seus dias, aquele que se importou, mas que em decorrência da sua rotina afastou-se.

Já pensou que hoje pode ser seu último dia?

Aproveite cada minuto, se ligue, ligue, importe-se, percorra caminhos diferentes.

Tenha novas impressões, faça a diferença, faça-se lembrado.

O melhor presente que alguém pode ganhar talvez seja um simples olá.

Você não tem noção de quantas energias vibracionais maravilhosas retornarão pra você.

Espalhe carinho por onde passares e sua jornada será coberta com pétalas de amor, gratidão e reciprocidade.

Tenha ótimo findi | Namastê | AdilsonDi.com